28 de mai de 2010

Não te Vejo!


Você me ama e não me vê
me atira na cama,
me faz suspirar,
delirar,
de puro prazer...
com a sua fome de amar
devora o meu ser
e mesmo assim:
não me vê,
me compra rosas,
e me mada flores,
me dá uma jóia,
uma lingerie super sexy
embrulhada com um sonho de valsa
e ainda assim:
não me vê,
te amo assim mesmo,
não me importo,
tenho muitos óculos,
e te enxergo e te vejo,
por mim e por você..

By Marcinha Cardozo

3 comentários:

Beeta disse...

lindo texto!!!
beijo

JPM disse...

Olá,
Tive contato com o teu blog no da Pimentinha Brasileira.
Agora vim conhecê-lo e seguí-lo.
Desde já és convidada a visitar o meu.
Saúde e felicidade.
João Pedro Metz

Mel Ri disse...

Bela poesia
;)

Postar um comentário